Universidade de Letras Lisboa

Perguntas Frequentes

Quem pode fazer um exame de Português Língua Estrangeira?

Os exames podem ser feitos por pessoas com 16 anos ou mais que tenham o português como língua estrangeira (ver Existem exames para alunos que frequentam o ensino básico?).

Para que servem os exames de português?

Os exames, do nível A1 ao C2, podem ser usados para fins educativos, sociais, profissionais ou outros. 

Segundo a legislação portuguesa em vigor, o exame CIPLE (nível A2) é o nível mínimo para aquisição da nacionalidade portuguesa.

As universidades portuguesas solicitam o exame DIPLE (nível B2) para a conclusão de cursos de graduação. 

O que é que tenho de fazer para me inscrever num exame?

Deve escolher o exame que pretende realizar e seguir as instruções. Feita a inscrição, recebe uma mensagem eletrónica. Siga as instruções constantes dessa mensagem.

Os candidatos que  se inscrevem num exame devem ter conhecimento das Normas para a realização dos exames.

Depois de escolher o LAPE onde vai fazer o exame, pode usar os contactos disponíveis no site para colocar alguma questão, tirar alguma dúvida ou pedir ajuda.

Leia também Condições Especiais

Como é que faço o pagamento da propina do exame?

A propina do exame é paga por multibanco (apenas para os candidatos que estão em Portugal) ou por cartão de crédito. Depois de preencher a ficha de inscrição, siga as instruções sobre o pagamento. O valor da propina não pode ser devolvido.

Existem exames para alunos que frequentam o ensino básico?

Os exames CIPLE-e (nível A2), DEPLE-e (nível B1) e DIPLE-e (nível B2) são versões escolares destinadas a jovens com idades compreendidas entre os 12 e os 15 anos.

Existe ainda um exame (TEJO) para jovens com idades entre os 8 e os 11 anos que avalia os níveis A1, A2 e B1.

As tarefas destes exames estão adaptadas à faixa etária dos alunos.

Onde posso inscrever-me para fazer um exame?

A inscrição é feita na plataforma do CAPLE. Pode pedir ajuda no LAPE onde vai fazer o exame. Todas as questões sobre a realização do exame são esclarecidas pelo LAPE. O CAPLE-ULisboa colabora com o LAPE na resolução de questões muito específicas. 

Tenho de preencher todos os campos na ficha de inscrição?

Sim. O CAPLE necessita desta informação para poder conhecer o perfil dos candidatos aos exames de PLE. Por isso, se não preencher todos os campos, não poderá avançar com a inscrição. No entanto, toda a informação dada pelos candidatos está protegida pelo Regulamento Geral de Proteção de Dados.

A minha inscrição pode ser anulada?

Sim, se:

  • o pagamento da propina do exame não for feito até 24 horas depois da data da inscrição. Se isso acontecer, terá de fazer nova inscrição;
  • o candidato prestar informações falsas sobre a sua identidade.

É obrigatório frequentar um curso de preparação para fazer um exame?

Não. Os candidatos podem preparar-se para os exames da forma que entenderem. O CAPLE-ULisboa não organiza cursos de preparação para os exames. Consulte as páginas com exemplos de exames aqui.

Nunca fiz um exame de PLE. É obrigatório começar pelo exame de nível mais baixo?

Não. Pode inscrever-se em qualquer exame sem que isso implique a realização de exames de outros níveis. Por exemplo, um candidato pode inscrever-se no exame DIPLE (nível B2) sem ter feito o CIPLE (nível A2) ou o DEPLE (nível B1).

Todos os exames estão disponíveis em todas as épocas? É possível fazer dois exames numa mesma época?

Não, veja na página de cada LAPE que exames podem ser feitos em cada época.

Não é possível fazer mais do que um exame por época.

Onde é que se realizam os exames?

Os exames podem ser feitos em Portugal e no estrangeiro. Consulte a lista de LAPE

Quando é que se realizam os exames?

Os exames realizam-se em Portugal e no estrangeiro em três épocas diferentes: maio, julho e novembro. Em Portugal, o CIPLE (A2) realiza-se em mais datas. Consulte as datas das épocas de exames.

Quando é que são as inscrições para os exames?

As inscrições podem ser feitas ao longo do ano, até 21 dias antes da data do primeiro exame.

Como é que tenho acesso ao resultado do exame?

Na página eletrónica do CAPLE-ULisboa, entre em resultado do exame (http://caple.letras.ulisboa.pt/classificacoes) e escreva o seu código de candidato. Recebe uma informação sobre a classificação geral obtida: Insuficiente, Suficiente, Bom ou Muito Bom.

Se tiver tido sucesso no exame, pode levantar o respetivo Certificado/Diploma no LAPE em que o realizou, 21 dias úteis depois da publicação dos resultados dos exames.

Se tiver tido Insuficiente, pode levantar a Comunicação de Resultados no LAPE onde fez o exame.

Como é apresentado o resultado?

O resultado do exame, com as percentagens parciais obtidas em cada atividade linguística, é apresentado

   - na página eletrónica do CAPLE-ULisboa (com informação sobre a classificação global qualitativa);

   - no Certificado/Diploma;

    - na Comunicação de Resultados (para os candidatos que não têm sucesso no exame).

Na descrição dos exames, encontra informação sobre as percentagens e as classificações qualitativas. 

Quando e onde recebo o certificado/diploma?

O CAPLE-ULisboa envia os Certificados/Diplomas e a Comunicação de Resultados para os LAPE. Os candidatos podem levantar o seu Certificado/Diploma ou Comunicação de Resultados no LAPE onde fizeram o exame 21 dias úteis depois da publicação dos resultados.

Quais são as características do certificado/diploma?

O Certificado/Diploma é emitido em papel especial. É assinado pelos diretores da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e do Centro de Avaliação e Certificação de Português Língua Estrangeira.

O Certificado/Diploma é emitido com um código único que pode ser lido no canto inferior direito.

Condições especiais para a realização dos exames

Se o candidato precisar de beneficiar de condições justificadamente especiais para realizar o exame, no momento em que se inscreve, deve informar o LAPE das suas necessidades concretas.

O LAPE poderá assegurar apoio a questões de mobilidade física e o CAPLE-ULisboa ajuda a solucionar questões relacionadas com dificuldade ou ausência de audição e de visão.

No caso de um candidato ter um diagnóstico de dislexia, deve apresentar um atestado clínico da sua condição (ver: teste de dislexia para adultos, da Associação Portuguesa de Dislexia, ou, para o inglês, teste de dislexia de Bangor, do Miles Dislexia Centre, e o teste de ortografia Wechsler Individual Achievement Test – III).

Nos casos comprovados, para cada uma das componentes do exame, o CAPLE recomenda aos LAPE:

CO —> dar mais uma repetição dos áudios

CL —> dar mais 1/3 do tempo (arredondado para cima) para cada tarefa

PIE —> dar mais 1/3 do tempo (arredondado para cima) para cada tarefa e indicar a condição especial do candidato no relatório de época (para o CAPLE dar aos classificadores)

PIO —> dar mais 1/3 do tempo (arredondado para cima).

O apoio a outro tipo de condições especiais poderá não estar disponível na época de exames ou no LAPE em que o candidato pretende realizar o exame. Tal poderá implicar que o candidato tenha de aguardar pela época seguinte de exames ou de se deslocar a um LAPE onde as condições requeridas possam ser disponibilizadas.

O CAPLE-ULisboa e o LAPE em que se inscreve farão o seu melhor para que o candidato disponha das condições de que necessita para fazer o exame. 

 

O valor da inscrição pode ser devolvido?

Não. Em caso de desistência ou não comparência, não há devolução do valor pago aquando da inscrição.

Como e quando recebo o comprovativo de pagamento?

Receberá o recibo-fatura em conjunto com o resultado do exame. Este documento é entregue ao candidato pelo LAPE.

Sou portador de deficiência ou tenho mais de 60 anos e não sei ler nem escrever. Como posso inscrever-me nos exames?

Antes de realizar a inscrição, deve contactar o LAPE onde gostaria de realizar o exame e enviar os documentos que comprovem a sua condição especial (certificado multiusos em caso de deficiência) e documento de identificação. Dependendo da sua condição especial, será informado se pode ou não realizar o exame e, se sim, quais as condições em que o exame pode ser realizado.

De acordo com a legislação portuguesa (Regulamento da Nacionalidade Portuguesa, Decreto-Lei n.º 237-A/2006, Diário da República n.º 239/2006, 1º Suplemento, Série I de 2006-12-14​, https://dre.pt/legislacao-consolidada/-/lc/107055837/201903100317/73438029/diploma/indice), se o candidato tiver mais de 60 anos e não souber ler nem escrever, pode fazer apenas a componente de Produção e Interação Orais (PIO), devendo informar o LAPE em que se inscreve dessa condição especial.

Posso mudar de local de exame?

Não é possível mudar de LAPE.