Universidade de Letras Lisboa

Natureza e missão

O CENTRO DE AVALIAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE PORTUGUÊS LÍNGUA ESTRANGEIRA (CAPLE) é uma Unidade orgânica da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, dotada de estatutos próprios e de autonomia científica.

O CAPLE é a única entidade portuguesa que avalia e certifica as competências escritas e orais em português como língua estrangeira (PLE) para diferentes efeitos: estudos, acesso à carreira académica, trabalho em diferentes domínios de atividade, aquisição da cidadania portuguesa, etc. A certificação do CAPLE constitui, assim, um serviço à comunidade em geral, contribuindo para a mobilidade dos cidadãos e para a sua inserção social, num mundo globalizado.

- Os exames do CAPLE avaliam as competências descritas no Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas (QECR), nos seus seis níveis (A1 a C2) e são destinados a cidadãos estrangeiros. Na sua versão standard, destinam-se a candidatos a partir dos 16 anos e, na sua versão escolar, a jovens dos 12 aos 15 anos. O CAPLE oferece ainda um teste de proficiência destinado a crianças dos 9 aos 11 anos (TEJO).

- O CAPLE segue, na sua prática de avaliação e de certificação, os padrões de qualidade da Association of Language Testers in Europe (ALTE), da qual a Universidade de Lisboa é cofundadora e membro institucional de pleno direito e onde está representada pelo CAPLE, por despacho reitoral.

Ao longo dos últimos anos, o CAPLE tem colaborado em muitos dos projetos da ALTE:

- O CAPLE produz os exames, classifica as respostas dos candidatos e emite os certificados e os diplomas, os quais não têm limite de validade. A aplicação dos exames tem lugar nos centros de exame (LAPE) do CAPLE localizados em Portugal e em mais 34 países.

- A certificação do CAPLE tem a chancela da Universidade de Lisboa e é reconhecida em Portugal, a nível estatal, pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros (através do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, I.P.), pelo Ministério da Educação (através da Direção-Geral da Educação) e pelo Ministério da Administração Interna (através da Serviço de Estrangeiros e Fronteiras). Em Portugal e no estrangeiro, é reconhecida por organismos públicos e privados, em diferentes setores de atividade.

- O CAPLE está empenhado em fortalecer a componente de investigação, com vista ao fortalecimento das suas parcerias e da sua internacionalização e à constante procura de qualidade na realização da sua missão. Por isso, tem estabelecido várias parcerias com:

    - European Centre for Modern Languages (Language Skills for Successful Subject Learning. CEFR-linked descriptors for Mathematics and History/Civics (Language Descriptors)

     - Centro de Linguística da Universidade de Lisboa (CLUL), Instituto de Cultura e Língua Portuguesa (ICLP), da FLUL, e a Associação para o Desenvolvimento da FLUL (ADFLUL), com o objetivo de criar corpora orais e escritos de referência para o PLE (COPLE2).

      - CIES/ISCTE

- O CAPLE aplica a legislação sobre proteção de dados em vigor.

 

O CAPLE tem o apoio de três comissões: a executiva, a científica e a consultiva, a saber:

 

Comissão Executiva
• Nélia Alexandre (Diretora)
• A nomear (Subdiretor)

Comissão Científica
• Nélia Alexandre (Diretora do CAPLE)
• A nomear (Subdiretor do CAPLE)
• Paula Morão (Diretora do ICLP)
• Carlos Gouveia (Diretor Programa de PLE/L2)
• Luís Barbeiro (ESECS, IPLeiria)
• Sandra Mateus (ISCTE-IUL)
 
Comissão Consultiva
• Nélia Alexandre (CAPLE-ULisboa)
• José Pascoal (FLUL)
• Rui Vaz (Camões, IP)
• Fátima Páscoa (Camões, IP)
• Eulália Alexandre (DGE)
• Lina Varela (DGE)
Diretora - Nélia Alexandre 
Subdiretor - a nomear
Técnica Superior - Milena Sousa
BGCT - Nuno Martins
Bolseiro ADFLUL - Abdelkarim Diane
 
Horário de Atendimento: de segunda a sexta, das 09h30 às 17h30